Categoria Blog

O efeito Zeigarnik – a sensação de algo inacabado

O efeito Zeigarnik é que aquela sensação incômoda que nos perturba quando temos alguma coisa inacabada, qualquer tarefa ou atividade. Aquele sentimento de culpa quando começamos algo e não terminamos.

Como, por exemplo, quando se tem um relatório para revisar. Mas, cansado e com dificuldade de focar, tirou uns minutos de descanso e veio para internet e está nesse exato momento lendo esse post. Se você é como a maioria das pessoas é bem provável que uma “voz” esteja falando na sua cabeça: “você tem que terminar a revisão do relatório”. Isso é o efeito Zeigarnik acontecendo.Segundo os estudos de Bluma Zeigarnik, todos nós ficamos tensos quando temos algo que precisa ser feito e ainda não o fizemos.

Essa tensão, essa sensação incômoda é a responsável por não nos permitir esquecer que temos alguma coisa pendente, algo que tem que ser finalizado. E esse sentimento só vai embora quando concluímos a tarefa.

multitarefas cansam o cérebro

.

O problema é que nosso cérebro não consegue entender que muitas vezes não concluímos determinadas tarefas por motivos válidos e que não precisa ficar o tempo todo te lembrando que aquela tarefa está inacabada.

 

Nos dias de hoje, muitos dos nossos projetos não têm limites demarcando início e fim. Muitas pessoas tentam fazer várias coisas ao mesmo tempo. É bem provável que você já tenha enfrentado esse dilema. Como a palestra pode melhorar? Como o programa de treinamento pode ser mais eficiente? Como aperfeiçoar a educação dos seus filhos? Como alavancar os acessos ao seu blog? Como aumentar a motivação da sua equipe? Como ser mais saudável? E, por último, quais informações você precisa ter para que esses projetos sejam bem-feitos?

 

Como minimizar então a ação desse efeito Zeigarnik?

 

O truque então é dar ao cérebro a sensação que ele quer: de tarefa concluída.

Existem várias forma de se fazer isso. Planejar é um delas.

Dar ao cérebro a impressão de que algo está terminado.

E transferir para outro lugar a tarefa de lembrar das coisas que precisamos fazer.

os post-it descansam o cérebro, pois colocam na parede as tarefas 

Anote sempre tudo o que você precisa fazer. Anote seus compromissos, pendências, obrigações.

Dar primeiro passo pode ajudar a romper o estado de inércia em que nos encontramos.

A seguir falarei sobre o  efeito Zeigarnik  nas ações inacabadas com amigos e parentes.

beijos no coração.

Lou Fernandes

Terapêuta Sistêmica

 

Inspirada na publicação do www.blogprodutivamente.com

Uma vida mais leve é possível

Em qual hora do dia você dá uma parada
e agradece o seu corpo por ser um grande
companheiro de viagem?
Respirar, inspirar.
Movimentar os ombros, o pescoço aliviam
o estresse e nos conecta com o agora.

Observar os detalhes da vida, o que nós cerca, ajuda nesse processo de uma vida mais leve e harmônica.
Experimente.

No caminho havia uma folha

ORAÇÃO DOS KAHUNAS PARA REALIZAR UM OBJETIVO

ORAÇÃO DOS KAHUNAS PARA REALIZAR UM OBJETIVO
A filosofia Huna era praticada por um povo milenar que viveu no Havaí, cujo conhecimento e sabedoria, já quase perdidos, começaram a ser resgatados em 1917 pelos esforços do psicólogo e pesquisador americano Max Freedom Long.

O termo huna em havaiano significa segredo” e Kahunas, os guardiões do segredo, eram os sacerdotes ou xamãs, que conheciam segredos, que hoje chamamos de milagres, tais como: controlar as forças da natureza, fazer curas instantâneas, prever o futuro e mudá-lo para o bem-estar do seu povo.
Recém agora, a física quântica está descobrindo que, cada um de nós tem realmente esse potencial para desenvolver esses e muitos outros poderes.
Essa filosofia tem sete princípios básicos, conhecidos como as sete leis Kahunas. São sete palavras de muita força, consideradas mágicas e que eram usadas todas juntas como um poderoso mantra.
São elas:
IKE – KALA – MAKIA – MANAWA – ALOHA – MANA – PONO

Praticar o significado de cada uma dessas palavras é o que nos levaria de encontro ao nosso poder, que está adormecido.

IKE – O mundo é o que pensamos e queremos que ele seja. A Realidade
é Maya (ilusão).
KALA – Não há limites. Tudo está conectado, qualquer coisa é possível, a separação é apenas uma ilusão.
MAKIA – Tudo é energia. Mas a energia só flui onde existe a ATENÇÃO e a INTENÇÃO.
MANAWA – O momento do poder é AGORA. A energia aumenta com o poder sensorial da atenção, foco e intenção.
ALOHA – Amar é ser feliz. O amor energiza tudo, enquanto que o julgamento e a crítica diminuem a energia. Amar é ser feliz com todas as pessoas e coisas.
MANA – Todo o poder vem de dentro de nós.
PONO – Efetividade é a verdadeira medida da verdade. Sempre existe uma maneira alternativa de se fazer qualquer coisa.

Oração Kahuna do Perdão para Realizar um Objetivo:

Busco AGORA eliminar todos os bloqueios que atrapalham a minha evolução, dedicarei alguns momentos para “PERDOAR”.
A partir deste momento, eu perdoo todas as pessoas que, de alguma forma me ofenderam, machucaram ou me causaram alguma dificuldade desnecessária.
Perdoo sinceramente quem me rejeitou, entristeceu, abandonou, humilhou, amedrontou ou me iludiu. Perdoo, especialmente, quem me provocou, até que eu perdesse a paciência e acabasse reagindo agressivamente, para depois me fazer sentir vergonha, culpa, ou simplesmente, inadequado.
Reconheço que também fui responsável por estas situações, pois muitas vezes confiei em indivíduos negativos, escolhi usar mal minha inteligência e permiti que descarregassem sobre mim suas amarguras, suas histórias, seus traumas e mau humor.
Por tempo demais suportei tratamento indigno, humilhações, medo, grosserias e desamor, perdendo muito tempo e energia, na tentativa de conseguir um bom relacionamento com essas criaturas.

AGORA, sinto-me livre da necessidade compulsiva de sofrer e livre da obrigação de conviver com pessoas e ambientes que me diminuem e, principalmente, destas pessoas que se sentem incomodadas com a minha presença e minha luz.

Iniciei, AGORA, uma nova etapa na minha vida em companhia de gente mais positiva, cheia de boas intenções, gente amiga que se preocupa em ser saudável, alegre, próspera e iluminada. Gente preocupada em melhorar a qualidade de vida – não só a nossa, mas de todo o planeta. Queremos compartilhar sentimentos nobres, aprendendo uns com os outros e nos ajudando mutuamente, enquanto trabalhamos pelo nosso progresso material e nossa evolução espiritual sempre procurando difundir nossas ideias de unidade, paz e de amor.
Procurarei valorizar sempre todas as conquistas que fiz e o amor que tenho em mim, evitando todas as queixas desnecessárias que me seguram nesta frequência, de onde JÁ consegui sair.
Se, por um acaso, eu tornar a pensar nestas pessoas com quem ainda tenho dificuldade de convivência, lembrar-me-ei de que elas todas já estão perdoadas. Embora eu não me sinta na obrigação de trazê-las novamente para minha intimidade, eu o farei, se elas demonstrarem interesse em entrar em sintonia. Agradeço pelas dificuldades que elas me causaram, pois isso me desafiou e me ajudou a evoluir, do nível humano comum, a um nível de maior amor e compaixão, maior consciência, em que procuro viver HOJE. Quando eu tornar a me lembrar destas pessoas que me fizeram sofrer, procurarei valorizar suas qualidades e também liberá-las, pedindo ao Criador que também as perdoe, evitando que elas sofram pela lei de causa e efeito, nesta vida ou em outras. Também compreendo as pessoas que rejeitaram meu amor e minhas boas intenções, pois reconheço que é um direito de cada um, não poder ou não querer corresponder ao meu amor.
(Fazer uma pausa e respirar profundamente por algumas vezes para acumular energia).

AGORA, sinceramente, peço perdão a todas as pessoas a quem, de alguma forma consciente ou inconsciente, eu magoei, prejudiquei ou fiz sofrer. Analisando o que fiz ao longo da minha vida, sei que minhas intenções foram boas, embora nem sempre tenha acertado e que, estas coisas que fiz de bom, são suficientes para resgatar a dor do meu aprendizado, ainda deixando um saldo positivo ao meu favor. Sinto-me em paz com minha consciência e, de cabeça erguida, respiro profundamente……. Prendo o ar ……. E me concentro para enviar uma corrente de energia destinada ao meu EU SUPERIOR.

Ao relaxar, minhas sensações revelam que este contato foi estabelecido.

AGORA, dirijo uma mensagem de fé ao meu EU SUPERIOR, pedindo orientação, proteção e ajuda para a realização, de um modo acelerado, de um projeto muito importante que estou mentalizando e para o qual estou trabalhando com dedicação e amor. (… Citar o projeto…) e que será, com certeza, para o bem de todos os envolvidos. Também peço que minha fé seja firme e que eu possa, cada vez mais, tornar-me um canal, uma conexão permanente com os Seres de Luz, desenvolvendo todos os potenciais que possam facilitar esta comunicação. Que eu perceba todas as respostas às minhas perguntas e dúvidas, reconhecendo os sinais claros que estiver recebendo, sempre protegida e amparada pelo Universo.
Agradeço de todo o coração, a todas as pessoas que me ajudaram e me comprometo a retribuir trabalhando para o bem do próximo, para sua alegria, seu bem-estar, atuando como agente catalisador de harmonia, entendimento, saúde, crescimento, entusiasmo, prosperidade e auto realização. Tudo farei sempre em harmonia com as leis da natureza e com a permissão do nosso Criador eterno e infinito que sinto como único poder real, atuante dentro e fora de mim.

ASSIM É! CUMPRA-SE!

O Livro das Gentilezas rompeu o asfalto e brotou em vários corações

A gentileza vem se espalhando, como uma flor que rompe o asfalto e se mostra mesmo diante da dureza do cotidiano.
Meu propósito como escritora é jogar as sementes como fiz ao escrever o LIVRO DAS GENTILEZAS, já se passaram 5 anos e como presente criei o repertório das 20 Gentilezas com sugestões de atividades criativas.
link do repertório:

Jogo_Gentilezas repertorio das 20 gentilezas

E assim caminha o livro…
gratidão aos queridos educadores que viram nele um farol.
beijos
Lou

BARRAS DE ACCESS® uma terapia com resultados rápidos e duradouros

​As Barras de Access integram o método Access Consciousness® que inclui um conjunto de ferramentas, técnicas práticas e processos desenhados para facilitar mais consciência e mudança, desenvolvido por Gary Douglas no início dos anos 90.

O que são as Barras de Access?
‘As Barras’ são uma terapia que consiste em ativar 32 pontos na cabeça que, uma vez tocados, iniciam a ativação de barras energéticas que permitem que padrões de comportamento, sistemas de crenças, pontos de vista e medos que temos repetido, desde a infância ou outras vidas, se comecem a desfazer.
Cada Barra corresponde a uma área da nossa vida (cura, corpo, envelhecimento, alegria, tristeza, comunicação, controle, consciência, criatividade, poder pessoal, sexualidade, dinheiro, etc.) e numa sessão pode libertar Muitos Anos… de limitações na área de vida correspondente à Barra específica tocada. As ondas cerebrais abrandam permitindo que a energia estagnada seja libertada e renovada.

As Barras dizem respeito ao corpo aprender a receber, e o verdadeiro receber é permitir ao corpo criar outras escolhas e outras possibilidades.

A primeira sessão é um presente para você.
21-99913-4566

astrologia chinesa no ateliê terapêutico

Telma Bonniau Gitirana desvendando o mapa de cada um.

conhecendo astrologia chinesa no o seu próprio mapa natal.

VENHA CONHECER SEU MAPA E SABER QUE A ASTROLOGIA CHINESA É UMA DAS FERRAMENTAS MAIS COMPLETAS NO ENTENDIMENTO DE QUEM SOMOS.

PRÓXIMAS TURMAS em outubro!

Reserve sua vaga:

21-99913-4566 – Lou Fernandes – coordenadora do Ateliê Terapêutico

21-99895-0391 – Telma Bonniau – astróloga

 

 

AS CONCHAS E SEU PODER MÁGICO

 SOBRE CONCHAS

o valor sagrado das conchas

por Mirella Faur

As conchas fazem parte dos processos evolutivos naturais do planeta. Ao longo de milhões de anos elas têm se modificado e evoluído de várias maneiras. Desde os tempos mais antigos as conchas foram usadas pela humanidade como recipientes, utensílios de cozinha, ferramentas, adornos, dinheiro, objetos mágicos, ritualísticos e curativos. Por viverem próximo ao mar, sintonizados com o som das ondas e as marés, os homens primitivos consideravam as conchas como presentes das Divindades do Mar e as usavam para sua proteção e cura.
Neste momento do ressurgimento da energia da Deusa e do realinhamento da humanidade com os ritmos, forças e elementos da natureza, o uso das conchas pode beneficiar as pessoas, equilibrando as polaridades feminina e masculina. Como aspectos palpáveis da energia da Deusa, as conchas podem se tornar nossas parceiras para trazer harmonia e suavidade para a nossa vida.


As conchas constituem uma maravilhosa fonte de energia calmante, retirando a tensão e o estresse do corpo. Elas contêm em si a energia poderosa, porém sutil da água dos oceanos que banham o nosso planeta e podem nos ajudar a recriar a harmonia em nossas mentes e nossos corpos. O seu padrão energético sugere movimento e fluidez, por isso elas relembram às nossas células como retornar ao nosso ritmo natural, desbloqueando a energia estagnada. O estresse cria tensões e contraturas em nosso corpo, restringindo o movimento celular. Através do relaxamento, o fluxo energético volta à normalidade. Quanto mais demorado o estado de tensão, mais difícil torna-se para o corpo lembrar o seu estado natural.
Os oceanos cobrem 70 a 80% da superfície do planeta; nossos corpos físicos são constituídos de 70 a 80% de água. Por isso sofremos uma enorme influência do elemento água e as conchas podem atuar como catalisadores para que o nosso corpo retorne ao seu fluxo natural, semelhante ao do oceano.
Há vários tipos de energia irradiada pelas conchas de acordo com seu formato. A “energia radiante” é emitida pelas conchas bivalves e as dos mexilhões, vieiras, ameijoas, ostras, berbigão, lapas, corais, ou seja, as variedades que tem linhas ou arestas irradiando do centro. Este tipo é usado para remover bloqueios energéticos e aumentar o fluxo de energia.

A “energia espiralada” é emitida pelos búzios, múrice, gastrópodes, tritões, caramujos etc. ou seja, as variedades que são retorcidas ou enroladas ao redor de um centro em um padrão espiralado. A direção da espiral é importante para a finalidade. Para produzir modificações usa-se o sentido anti-horário, mas se quiser aumentar o fluxo de energia focaliza-se o sentido horário. O sentido da espiral é percebido pela posição em que se olha a concha segurando-a pela ponta ou pela base.


Antes de começar a usar uma concha é necessário estabelecer um contato com seu padrão energético. Segure a concha olhando-a sem focalizá-la (o assim chamado “olhar macio”). Tome algumas inspirações profundas e permita a formação de imagens ou ideias em sua tela mental. Comece a se comunicar com o ser elemental que reside na concha, fazendo-lhe perguntas e pedindo-lhe orientações sobre as modalidades de uso.
A chave para estabelecer esse contato é a abertura e a receptividade interior, confiando nos laços energéticos que existem entre todos os seres, independente do seu reino ou nível de consciência.

* artigo publicado originalmente no Almanaque Mágico 1997
editora Forças Ocultas

crianças criativas precisam de arte para expressar seu potencial

criatividade é saúde

 

Criança é  expressão

No entanto, muitas estão  sendo sufocadas, na sua espontaneidade, por uma rotina que inclui muita medicação. A terapia livre de químicos é defendida por muitos especialistas justamente porque continua fazendo efeito. A Arteterapia é uma excelente terapia integrativa e complementar e muitas vezes até a única terapia por surtir muitos bons resultados.

De acordo com levantamentos estatísticos, uma criança inquieta, que na escola mal pára sentada na cadeira, é uma forte candidata a receber um diagnóstico comum no Brasil: Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH), tratado, na maioria dos casos, com remédios tarja preta. Segundo a professora do Departamento de Pediatria da Faculdade de Ciências Médicas da Unicamp, Maria Aparecida Moysés,  ocorre muitos  diagnósticos precipitados do TDAH (Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade), com a prescrição de medicamentos que podem,  inclusive, mascarar o diagnóstico de outras doenças. Muitos profissionais deixam de diagnosticar  outras questões e colocam tudo no gavetão do TDAH,  diz a Pediatra. Ela ainda adverte que o estado de “atenção” produzido pela ritalina não é o efeito terapêutico dela, mas uma reação adversa.

 

Além disso, o diagnóstico de hiperatividade pode imprimir um rótulo à pessoa que muitas vezes leva ao estigma.

E, não é possível sedar o sofrimento. A arte pode ser um excelente canal para expressar esta angústia.